Rodolfo Rodrigues

Grandes ganhos 28748

O dia 6 de maio de marcou o início da rica história entre Corinthians e Palmeiras. Se agora Alvinegros e Alviverdes caminham juntos, por décadas a história de ambos foi construída por combates. Os confrontos decisivos, de grandes jogadores, curiosidades, heróis e títulos, também acabaram permeados por brigas de torcida e violência. Roberto Rivellino e Ademir da Guia trocaram camisas e reviveram boa parte desse dérbi brasileiro. O campeonato estadual na década de vivia a primeira crise no comando, com a dissidência entre duas entidades organizadoras. O primeiro herói de um dérbi foi o atacante Caetano Izzo. Cinco dias antes de completar 20 anos, emo palmeirense marcou no segundo tempo todos os gols dos 3 a 0 sobre o Corinthians, pelo Campeonato Paulista, no encontro inaugural entre os rivais. Filho de imigrantes italianos e revelado no extinto time do Ruggerone, do bairro da Lapa, Caetano havia estreado pelo clube meses antes.

Copa do Brasil – 2020

Ver detalhes. E, logo de cara, o time palmeirense provou ser um dos principais candidatos à taça. Contra o forte Red Bull Bragantino, o Palmeiras se impôs nos dois jogos, ganhando por 3 a 1 em Bragança Paulista e por 1 a 0 no Allianz Parque — o defrontação de volta marcou a estreia do técnico português Abel Ferreira no direção da equipe. No duelo de ida, mesmo sem oito titulares um com Covid, três lesionados e outros quatro convocados para disputar as Eliminatórias da Copa do Mundoo Alviverde deu show no Allianz Parque e venceu por 3 a 0. A vantagem obtida na arena foi fundamental para que o time palestrino pudesse superar o surto de coronavírus que acometeu o elenco durante o mês de novembro. O primeiro tempo terminou sem que as duas equipes criassem grandes oportunidades. Na segunda etapa, porém, brilhou a estrela do atacante Rony. Campanha 8 jogos 6 vitórias e 2 empates 15 gols marcados 4 gols sofridos.

Leave a Reply